Como vender um carro rapidamente em 7 etapas simples

--*--

Transforme seu carro em dinheiro com o mínimo de complicações, precificando-o estrategicamente, anunciando-o no site certo e classificando os compradores sérios nos pneus.Veja como remover o estresse e maximizar o dinheiro quando você vende seu carro em particular, em vez de trocá-lo em um revendedor.

Recolha sua papelada

Localize os seguintes itens e execute estas tarefas antes de listar seu carro para venda:

O título do seu carro. Isso também é chamado de deslizamento rosa; dá-lhe o direito legal de vender seu carro usado. Mas não assine ainda. Verifique com seu credor. Se você ainda deve dinheiro ao empréstimo do seu veículo, ligue para o credor para saber como organizar a venda.

Verifique o CRLV online

Verifique com o departamento de veículos do seu estado para ver que documentação é necessária para transferir a propriedade. Muitos formulários, como uma fatura, podem ser baixados e impressos. Além disso, descubra se as placas acompanham o carro após a venda. Peça um relatório de histórico do veículo. Seja proativo e solicite um relatório para mostrar aos possíveis compradores. Isso fornece respostas para muitas perguntas em potencial, como o número de proprietários e acidentes.

Defina um preço pedido

Você quer que seu carro se destaque de todos os outros carros usados ​à venda pelo proprietário perto de você. Então, primeiro você precisa estimar o valor do seu carro para poder definir um “preço pedido” atraente para o seu carro usado. Pesquise o valor do seu carro na internet e verifique o preço de carros semelhantes em anúncios locais. Defina o seu preço um pouco acima do valor atual de mercado, mas ainda assim, é um bom negócio. Portanto, se o guia de preços indicar que seu carro vale R$10.000,00 você pode definir o preço em R$13.000,00. Isso deixa um espaço de negociação para você.

Dê uma organizada no seu carro

A melhor maneira de vender seu carro é aplicá-lo. Quando um comprador aparece para ver seu carro, você quer que ele dê uma olhada e diga: “Parece ótimo!” Você não precisa consertar todos os pequenos arranhões, mas lave e aspire o carro, e remova todo o lixo acumulado ao longo dos anos. Dar um detalhe profissional é bom para carros usados

​mais novos e mais caros. Mas quanto mais alto o preço, mais tempo levará para vender o carro, e o brilho dos detalhes desaparecerá após algumas semanas. Preste atenção especial a todos os detalhes que um possível comprador verá ao se aproximar do carro, abrir a porta e deslizar para o banco do motorista. Você quer que esse impacto positivo continue enquanto ela está sentada no carro e, esperançosamente, imagine que ela é sua.

Crie anúncios com fotos atrativas

Fotografe seu carro com boa iluminação e de vários ângulos. Fotografe seu carro estacionado em um local agradável logo após o pôr do sol para obter a melhor iluminação. Mova-se pelo carro, tirando fotos dele de vários ângulos. Lá dentro, tire uma foto do banco do motorista, do banco traseiro e do porta-malas. Os vendedores experientes também incluem fotos do odômetro (para mostrar a quilometragem atual), dos pneus (para mostrar a profundidade do piso) e do motor. Há muitos lugares para postar um anúncio de carros usados ​​à venda pelo proprietário e cada um atende a um público um pouco diferente. Mas cuidado com os golpistas.

Sites especializados

Se você estiver vendendo um carro raro, procure sites de colecionadores ou clubes. A maioria dos anúncios solicita que você adicione as informações básicas sobre seu carro usado, como ano, marca, modelo, quilometragem e preço. Portanto, no corpo do anúncio, não repita esses detalhes. Em vez disso, forneça informações adicionais, como opções, complementos e quaisquer detalhes especiais sobre o carro que não sejam óbvios, como “título limpo” ou “smog passado”. Evite frases enlatadas, como “CA sopra frio!” ou “apenas milhas da estrada!”

Depois de concluir essas etapas, a única coisa que resta é cancelar sua apólice de seguro automóvel, e talvez começar a comprar um carro novo.