Veja o que difere o leasing do financiamento

O leasing é uma modalidade de compra muito utilizada atualmente. Nele, o banco ou concessionária aluga o veículo para o cliente e, no fim do contrato, a moto pode passar para o nome do cliente. Essa modalidade é vista por muitos como uma forma de financiamento.

Você sabia que existem muitas diferenças entre o financiamento e o leasing? Continue lendo esse artigo e perceba que as duas formas são bastante distintas. 

O que difere o leasing do financiamento?

A diferença entre essas duas formas de crédito está presente nas características de cada uma delas. No financiamento, por exemplo, o banco cede o valor integral do veículo para que o cliente realize a compra à vista na concessionária.

O cliente realiza o pagamento do financiamento em parcelas, cuja quantidade é escolhida por ele. Além disso, o cliente tem a possibilidade de reduzir o valor que será financiado através do pagamento do valor de entrada. Já no leasing as características são diferentes.

·         É uma forma de aluguel, ou seja, o banco compra o carro e aluga ao usuário;

·         O veículo só deixa de ser do banco no fim do tempo estipulado no contrato;

·         O tempo de aluguel é fixo, sendo assim, o cliente não pode escolher por quanto tempo quer pagar e isso interfere diretamente no valor das parcelas que são fixas a depender do valor da moto;

·         Existem alguns bancos e concessionárias que não permitem o adiantamento do pagamento do leasing, dessa forma, não existe o pagamento da entrada da transação.

Em relação às vantagens, quais são as diferenças entre essas duas transações?

A principal vantagem do financiamento é que a moto fica no nome do cliente de forma imediata. Sem contar com a possibilidade de adiantar o pagamento do valor total do veículo, estipulado, geralmente, em no mínimo 20% desse valor.

Todavia, quando o assunto é o leasing as vantagens são um pouco melhores. Um exemplo disso é o pagamento dos impostos do veículo que, em muitos casos, são de responsabilidade do banco ou concessionária. O seguro e as manutenções preventivas também são custeados pela empresa responsável pelo aluguel.

Diante disso, qual é a modalidade ideal para o consumidor?

O que vai determinar o tipo de compra de motos ideal não são as características das transações, mas sim a necessidade do motoqueiro em ter o veículo próprio e a renda mensal. A necessidade vai apontar se o interessado necessita da moto própria de forma imediata ou se essa questão pode ser postergada. A renda mensal, por sua vez, determina se ele pode pagar um valor maior por mês ou se esse pagamento pode ser menor de forma que se enquadre no orçamento.




Faça Parte! Adicione seu e-mail e receba mais informações