Centro histórico e cultural de Florianópolis

Em pelo menos dez ruas do Centro é possível encontrar sobrados e casas em arquitetura luso-brasileira, vários tombados pelo Patrimônio Histórico e muitos recentemente restaurados.

Entre os mais significativos estão os sobrados geminados da Rua Fernando Machado, a primeira rua da cidade e do entorno da Praça XV de Novembro. Vale uma caminhada observando os detalhes do casario nas Ruas Felipe Schmidt e transversais. Entre as Ruas Conselheiro Mafra e Francisco Tolentino há um conjunto de 39 edifícios, todos tombados.

Museu Victor Meirelles

No sobrado de características luso-brasileiras nasceu o pintor, desenhista e professor Victor Meirelles de Lima. O prédio foi tombado como Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em 1950 e abriga, desde 1952, um museu com telas e esboços do pintor. Visitas monitoradas: de terça a sexta-feira das 10h às 18h. Sábado das 10h às 14h. A entrada é franca. Rua Victor Meirelles, 59.

Dica

A melhor opção para conhecer o Centro Histórico é através de um passeio a pé. Por isso, é recomendá-vel deixar o carro no estacionamento pago ao lado do Terminal de Integração do Centro (Ticen), em frente ao Mercado Público, na Av. Paulo Fontes.

Mercado Público

A primeira ala do Mercado foi construída em 1898. A segunda ala é de 1931, quando foi construído um pequeno aterro sobre o mar. O Mercado foi tombado como Patrimônio Histórico da cidade em 1984. São mais de 100 boxes, entre peixarias e alguns tradicionais bares da cidade. Em 2016, ganhou uma cobertura entre as duas alas. Rua Cons. Mafra, 255.